terça-feira, 18 de janeiro de 2022

ESMP atendeu a mais de 10 mil alunos em 2021

A Escola Superior do Ministério Público do Maranhão (ESMP) divulgou informações sobre sua atuação durante o ano de 2021. Com 95 cursos ofertados, foram atendidos 10.389 alunos em 582 horas/aula oferecidas ao longo do ano.

Para a diretora da ESMP, Karla Adriana Holanda Farias Vieira, os resultados alcançados em 2021 são expressivos. “Foram desenvolvidas atividades em diversos eixos temáticos, com destaque para equidade de gênero, direito das vítimas, tribunal do júri e educação ambiental, além da oferta de cursos versando sobre as temáticas de infância e juventude, combate à corrupção, uso de tecnologias no combate a crimes no ambiente virtual, análise da nova lei de licitações, dentre outros” explicou.

Um dos pontos destacados pela promotora de justiça foi o início do curso de pós-graduação lato sensu em Ciências Criminais e Direito Anticorrupção, realizado em parceria com a Universidade Federal do Maranhão (UFMA).

Karla Adriana Vieira também ressaltou o aprimoramento da estrutura física e do espaço virtual da Escola Superior, para otimização das atividades ofertadas aos seus alunos, além do incremento do plano editorial da ESMP, “com o objetivo de proporcionar uma maior visibilidade e publicidade às rotinas de eventos, à produção acadêmica e técnica e à produção selecionada e vinculada aos seus objetivos”.

Também coube à ESMP a organização do 11º Congresso Estadual do Ministério Público, que teve como tema “O Ministério Público na promoção das liberdades democráticas” e contou a com a participação de autoridades locais, nacionais e internacionais.

Outros números relevantes alcançados durante o ano de 2021 foram o total de visualizações dos cursos – realizados de forma virtual por conta da pandemia da Covid-19 - que chegaram a 31.318; o número de professores envolvidos nas atividades (206); e a certificação de 5.161 participantes, incluindo membros e servidores do Ministério Público do Maranhão e o público externo.

O procurador-geral de justiça, Eduardo Nicolau, ressaltou a eficácia e o dinamismo da Escola Superior do Ministério Público, em especial considerando-se as especificidades de um período de enfrentamento de uma pandemia. “A educação é um dos pilares da cidadania e do desenvolvimento de uma sociedade. Por meio da ESMP, estamos incrementando a formação de nossos membros e servidores, contribuindo para que eles prestem melhores serviços à sociedade, além de levar conhecimentos importantíssimos à população maranhense, utilizando a tecnologia a nosso favor para alcançar as pessoas”, observou.

Para 2022, a Escola Superior pretende fortalecer seus pilares de ensino, pesquisa e extensão, atuando na formação de membros e servidores, mas, também, mantendo um diálogo permanente com a sociedade civil.

Fonte: Ministério Público do Maranhão

Nenhum comentário:

Postar um comentário