quarta-feira, 27 de outubro de 2021

Braide antecipa salários e concede feriado prolongado de 5 dias para amenizar desgaste da greve


O prefeito de São Luís, Eduardo Braide (Podemos), resolveu tomar medidas que acredita serem simpáticas aos olhos da população para tentar amenizar o desgaste político provocado pela greve do transporte público, que nesta quarta-feira (27) completou sete dias consecutivos. Sentindo que os prejuízos causados pela paralisação começam a respingar em sua gestão e em sua própria imagem, Braide anunciou a antecipação dos salários do funcionalismo municipal e concedeu um feriado prolongado de cinco dias, aproveitando a proximidade entre o Dia do Servidor Público (28/10) e o Dia de Finados (02/11).

Como tem sido de praxe, os anúncios oficiais da prefeitura foram feitos em redes sociais. A primeira “boa notícia” foi dada ontem pelo próprio prefeito. Em mensagem postada no Twitter, no Instagram e no Facebook, Braide informou que os salários dos funcionários públicos do Município estarão nas contas nessa quinta-feira (28), oficialmente Dia do Servidor Público. “Obrigado pela dedicação e empenho de todos vocês”, agradeceu o chefe do Executivo municipal, como se quisesse conter a insatisfação generalizada com a greve e com a incapacidade que tem demonstrada para encerrá-la.

Para completar o mini-pacote de bondades, um comunicado da administração municipal, também postado nas redes sociais, fez a alegria dos adeptos de uma folga extra. De acordo com o informe oficial, o feriado dessa quinta-feira (28) fica transferido para sexta-feira (29) e na próxima segunda-feira (1°), véspera do Dia de Finados, será decretado ponto facultativo. Assim, serão cinco dias seguidos dedicados ao descanso e ao lazer, conforme as vontades e possibilidades de cada um.


Em meio longo período de ócio, tem-se um fato negativo. O feriadão pode dificultar ainda mais a negociação de um acordo que leve ao fim da greve. Tantos dias de rotina alterada podem agravar ainda mais o impasse e gerar ainda mais prejuízos à economia, que vinha ensaiando uma recuperação após o recuo da pandemia da Covid-19.

A não ser que o prefeito tenha uma carta da manga para apresentar nessa quinta-feira (28), último dia útil entre o fim desta semana e o início da próxima.

Fonte: O Estado

Nenhum comentário:

Postar um comentário