terça-feira, 29 de junho de 2021

Itapecuru Bioenergia reitera respeito ao meio ambiente e rebate fake news

A Itapecuru Bioenergia divulgou nesta terça-feira, 29, um comunicado oficial rebatendo fake news disseminadas sobre a atuação da empresa na cidade de Aldeias Altas.

A Itapecuru Bioenergia ressalta que repudia qualquer ato de violência física ou moral, assim como qualquer dano ao meio ambiente.

Confira a íntegra da nota abaixo.

Itapecuru Bioenergia: lugar onde sonhos se realizam.

Caros aldeienses, 

Queremos começar esta conversa agradecendo a cada um de vocês, afinal, os mais de 60 anos da nossa história, que foi escrita de forma integra e sólida, só pode ser explicada pela participação de cada homem e mulher desta terra, que sempre esteve de mãos dadas conosco. Seria impossível chegar aonde chegamos sem o trabalho, o comprometimento e o esforço de cada um de vocês. 

Temos, sim, orgulho de ser uma empresa aldeiense, de poder proporcionar aos cidadãos deste maravilhoso lugar dias melhores e nos orgulhamos muito mais de poder olhar para trás e saber que a nossa missão nunca foi só plantar e colher cana-de-açúcar. 

Temos, sim, orgulho de ser resilientes e, depois de tantos anos e de tantas crises superadas, de estar na ativa, alicerçados principalmente pelo respeito aos seus colaboradores e o amor por Aldeias Altas. 

Hoje, sob nova gestão, retomada pela família Costa Pinto e que traz como liderança a terceira geração de Humberto Costa Pinto – pioneiro na implementação desse grande projeto agroindustrial em Aldeias Altas há mais de meio século -, a Itapecuru Bionergia continua a ser uma geradora de energia e sonhos, muitos sonhos. No total, em2021, ano pandêmico e no qual o desemprego assombra a vida de boa parte dos brasileiros, geramos em Aldeias Altas 1.600 empregos diretos, 7.000 empregos indiretos em toda a região, injetando mensalmente na economia local mais de R$ 15 milhões. Inclusive, para ajudar no

combate ao coronavírus, doamos um respirador ao hospital aldeiense. E temos, junto com a gestão municipal, em caráter contínuo e prioritário, buscado o diálogo com as famílias da localidade Gostoso, para acharmos juntos a melhor solução para todos e, assim, continuar a escrever uma história que nos encha de orgulho. 

Nos últimos dias, esta empresa tem sido alvo de ataques carregados de inverdades, por porta-vozes da mentira, propagadas por aqueles que lucram com o conflito e que nada buscam a não ser o privilégio de seus interesses pessoais. No entanto, nós, da Itapecuru Bionergia e da Família Costa Pinto, deixamos claro que repudiamos veementemente qualquer ato de violência física ou moral, assim como qualquer dano ao meio ambiente, destacando, acima de tudo, que temos o mais profundo respeito por todos os cidadãos aldeienses, da área urbana e da zona rural. 

Reiteramos, por fim, que somos uma empresa fundada há mais de60anos nesta terra – um lugar onde se planta trabalho, coma geração de energia limpa e renovável, e colhe-se a realização de sonhos, com a produção de etanol que, além de abastecer parte da demanda de combustível do país, em um futuro próximo e em linha com as mais modernas tecnologia, servirá de insumo para a produção de hidrogênio, a ser transformado em eletricidade para os veículos elétricos, o que, certamente, posicionará Aldeias Altas no local de destaque que merece frente ao Maranhão e ao Brasil.

Por Gilberto Léda 

Nenhum comentário:

Postar um comentário