quinta-feira, 8 de julho de 2021

Foi aprovado na Câmara Municipal de São Luís, projeto de lei que permite a visitação de animais a pacientes internados

A iniciativa, inédita no Maranhão, é de autoria do vereador Dr. Gutemberg e prevê a visitação na rede hospitalar da cidade.

Os benefícios para a saúde de se ter um animal de estimação são enormes. Eles ajudam a combater a solidão, a tristeza e o estresse.

Um estudo publicado em 2017, por pesquisadores da Universidade de Uppsala, na Suécia, revelou que para as pessoas que vivem sozinhas, a presença de cães diminui em 33% as chances de morte e em 36% o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. A possibilidade destes indivíduos terem um infarte também cai 11%.

Em muitos países, animais também são usados em terapias e no tratamento de recuperação de pacientes moradores de casas de repouso e ainda, em hospitais. E agora, em São Luís, isto também será possível.

O projeto de lei 020/2019, de autoria do vereador Dr. Gutemberg, aprovado na Câmara Municipal de São Luís, autoriza a entrada de animais domésticos em hospitais públicos da rede municipal da capital para visitas a pacientes internados.

A proposta tem como objetivo humanizar a estadia do paciente na unidade de saúde, uma vez que estes animais, na avaliação do parlamentar, são considerados, em muitos casos, membros da família.

O projeto estabelece algumas regras básicas. Uma delas, determina que os animais precisarão estar com a vacinação em dia, higienizados e o responsável deve comprovar, por meio de laudo veterinário, a boa condição do animal.

O animal deverá estar em recipiente ou caixa adequada, e no caso de cães e gatos, estes necessitarão de guias presas por coleiras, enforcador e focinheiras.

Ainda de acordo com a proposta, os hospitais criarão normas e procedimentos próprios para organizar o tempo e o local de permanência dos animais para visitação dos pacientes. A presença do animal se dará mediante a solicitação e autorização do médico responsável pelo internado. A visita deverá ser agendada previamente na administração do hospital, respeitando a solicitação do médico. O local de encontro do paciente com o animal ficará a critério do médico e da administração do hospital.

Sobre a Associação Maranhense em Defesa dos Animais (AMADA)

A AMADA é uma associação civil de direito privado, de caráter não governamental, com personalidade jurídica, sem fins lucrativos, que visa à construção de uma sociedade livre, justa e solidária, que busca garantir os direitos e deveres dos animais e o respeito a um meio ambiente ecologicamente equilibrado e sadio, garantindo qualidade de vida. Desde 2010 mantem um número significativo de animais castrados, lutando assim com a diminuição do número de animais abandonados na cidade.

Fonte: MA98

Nenhum comentário:

Postar um comentário