terça-feira, 1 de junho de 2021

Deputado Wellington vota contra MP de Flávio Dino que impede realização de concursos e prorroga vigência dos contratos temporários por um ano

Na manhã desta terça-feira (01), o deputado estadual Wellington do Curso votou, na Assembleia Legislativa, contra a Medida Provisória n° 354/2021, de autoria do Poder Executivo. Com a Medida Provisória, fica proibida a realização presencial de provas de concursos públicos no território do Estado do Maranhão. Além disso, a MP prorroga vigência dos contratos temporários por um ano.



Ao se pronunciar, o deputado Wellington votou contra a MP e lamentou a postura do governador Flávio Dino de não realizar concursos públicos e insistir em contratações.

“Votei contra a Medida Provisória n° 354/2021, do governador Flávio Dino, que proíbe a realização presencial de provas de concursos públicos no Maranhão. Além disso, a MP prorroga vigência dos contratos temporários por um ano. Uma MP ilegal e imoral. Flávio Dino se esconde na Lei Complementar nº173 para não realizar concursos, mas esquece que outros estados estão sim realizando concursos para caragos vagos. A verdade é que Flávio Dino escolheu seguir com contratações temporárias e comissionados. Assim ele pode usar essas pessoas com fins políticos. Votei contra essa atrocidade cometida pelo governador Flávio Dino, pois sigo na luta por um Maranhão com concursos públicos e nomeações de aprovados”, disse o deputado Wellington.

Apesar do voto contrário do deputado Wellington, a Medida Provisória foi aprovada por maioria dos deputados estaduais no Maranhão.

Fonte: Ilha Rebelde

Nenhum comentário:

Postar um comentário