sexta-feira, 11 de junho de 2021

Após privilégio concedido a Dino ao receber a primeira dose da vacina contra a covid-19, Wellington solicita esclarecimentos

 
O deputado estadual Wellington do Curso protocolou requerimento 249/2021 solicitando esclarecimentos sobre o privilégio concedido ao governador Flávio Dino ao receber a primeira dose da vacina contra a COVID-19, que, diferente da população, não se deslocou ao Centro Municipal de Vacinação, não enfrentou fila e foi imunizado no próprio Palácio dos Leões.

Ao justificar a solicitação, Wellington destacou que o governador deveria dar exemplo e destacou que a aplicação da vacina contra a COVID-19 é de responsabilidade do município e não do Estado e que, por isso, Flávio Dino deveria se deslocar ao ponto de vacinação municipal mais próximo, como faz toda população do Maranhao.

“De acordo com denúncia divulgada pelo site Atual7, Flávio Dino foi privilegiado na imunização contra COVID-19. Diferente da população que enfrentar fila para ser imunizado, o governador Flávio Dino foi privilegiado ou furou fila ao receber a primeira dose da vacina contra a COVID-19 no palácio dos leões. Diante disso, protocolei requerimento nº 249/2021 solicitando esclarecimentos sobre o privilégio concedido ao governador. Nesse momento de potencializar a campanha de vacinação e da importância da imunização em massa, Flávio Dino deveria dar exemplo e enfrentar fila igual a todo cidadão comum e seguir o exemplo do prefeito Eduardo Braide que não se aproveitou do cargo que exerce para ser privilegiado. É isso que a população espera de seus governantes. Qual o problema em se deslocar ao posto de vacinação mais próximo e enfrentar fila igual a todo mundo? Como deputado estadual, também respeitei os procedimentos para ser imunizado, o que aconteceu de forma rápida e eficaz no Centro Municipal de Vacinação. Então, por que Flávio Dino não fez o mesmo e foi privilegiado? Houve desvio de vacina para o governador? Além de Flávio Dino, quem mais foi beneficiado com o suposto duramente de fila é possível desvio de vacina? Aguardamos esclarecimentos”, disse o deputado estadual Wellington do Curso,

O parlamentar ainda questiona as imagens divulgadas por Flávio Dino, pois não foi encontrado registros de fotos e vídeos no exato momento da aplicação do imunizante e muito menos da seringa, como fizeram todos outros governadores e homens públicos. A imagem “pousada” do governador causa estranheza, ja que Flávio Dino é midiático e não tenha divulgado o exato instante da aplicação, desse momento histórico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário