terça-feira, 27 de abril de 2021

Fátima Araújo solicita a inclusão de jornalistas, repórteres, e demais, nos grupos prioritários de vacinação contra a Covid-19


Desde o início da pandemia temos visto uma série de transtornos sofridos pela população. Perdas de entes queridos e amigos, desemprego, dificuldades financeiras e muito mais. Diante de tudo isso, há pessoas que passaram a trabalhar em casa e outras que tiveram que continuar seu trabalho em meio aos riscos de contágio da Covid-19. Muitos são os profissionais que continuam cumprindo suas demandas de trabalho fora de ambientes protegidos e lutam dia-a-dia para entregar o melhor para a população.

Sabemos que além dos profissionais de saúde que estão na linha de frente nos hospitais, há muitos que também sofrem um risco elevado.

Entre os profissionais que correm riscos no exercício de seus ofícios, estão os Jornalistas repórteres, fotógrafos, cinegrafistas que estão nas ruas, hospitais e demais locais, garantindo a todo cidadão e cidadã o acesso à informação. De acordo com a última pesquisa divulgada pela Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ), o Brasil é líder mundial de mortes por coronavírus entre jornalistas. Entre abril de 2020 e março de 2021, foram 169 vítimas da doença. Como forma de evitar o adoecimento desses profissionais, fiz uma Indicação ao Governo do Estado para que sejam incluídos nos grupos prioritários de vacinação contra a Covid-19 no Maranhão.



Nenhum comentário:

Postar um comentário