terça-feira, 21 de julho de 2020

Alô MP? Edivaldo faz reforma milionária na SMTT em plena pandemia


Com os dias contados para o fim da gestão Holandinha, a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) deu início a uma obra no mínimo suspeita. Trata-se da bagatela de R$ 1 milhão empenhada à empresa Sttepen Engenharia LTDA, para “manutenção e conservação de bens móveis”. Porém, imagens e vídeo obtido com exclusividade pelo Blog do Neto Cruz mostra que não está havendo manutenção, mas clarividente uma obra de fato, fugindo assim do escopo do contrato.
A empresa Steppen é quem está executando o serviço, após adesão à ata via prefeitura de Rosário, através da Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia/SEMECT, conforme documento em anexo.
A SMTT de São Luís – gerida agora mpelo Adjunto Israel Pethros – aderiu à ata de registro de preços em junho deste ano. In loco é possível constatar que a obra é provavelmente irregular. Não se vê placas com valor da obra, há ausência de autorização do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (CREA-MA), nem o responsável técnico.
Além disso, causa estranheza é a ausência de documentos no Sistema de Acompanhamento Eletrônico de Contratação Pública (SACOP), como por exemplo planilhas que justifiquem o valor de R$ 1 milhão empenhado, além da ausência de ata de preços no Portal da Transparência.
Vale frisar que o contrato em Rosário seria para a manutenção de 68 escolas e o da SMTT, até o momento, está sendo apenas de reforma do almoxarifado. Será que as duas obras consomem o mesmo tanto de dinheiro?
Tentamos contato com a superintendente administrativa, Carlla Ribeiro Portugal, que apesar de ter visualizado as mensagens não respondeu.
O espaço está aberto para os devidos esclarecimentos.
EM TEMPO
A Steepen Engenharia Ltda – ME, que assinou cinco contratos com a gestão Irlahi Linhares (Rosário), tem elos que corroborem em afirmar um suposto tráfico de influências.
Mas isso é assunto para outra postagem…
Veja:
Tocador de vídeo

00:00
00:48

Com informações Neto Cruz

Nenhum comentário:

Postar um comentário