segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Explosão e insegurança

Pelo menos dez homens fortemente armados assaltaram na madrugada do último domingo uma agência do Bradesco na cidade de Buriti, na região Leste do Maranhão. Os bandidos comandaram a ação por volta das 2h30. Eles explodiram o único caixa eletrônico da agência e levaram a caixa-cofre com todo o dinheiro que estava ali armazenado.
Câmeras de segurança mostram os homens armados com espingardas calibre 12, pistolas .40 e fuzil calibre 56. Foram utilizados três carros para a fuga pela rodovia MA-034. Um dos veículos foi incendiado no meio da rodovia. Esse tipo de manobra é usada para dificultar a perseguição policial.
É um tipo de crime que tem se tornado rotineiro no Maranhão. Somente no ano passado, 29 ocorrências como assaltos, arrombamentos e saidinhas, foram registradas no Maranhão. Deste total, 23 estão classificados como arrombamentos e explosões de agências. Em 2018 haviam sido registrados 20 casos de ataques a bancos.
É uma modalidade criminosa que, infelizmente, tem prosperado no estado. Já houve ocasião em que os assaltos ocorreram à luz do dia. Cidadãos geralmente são usados como reféns.
Policiais, seguidas vezes, foram acoados em delegacias. E a sociedade, em todos os casos, em meio a todo o pavor.
O comando da Segurança Pública segue sem conseguir desarticular as quadrilhas. E os bandidos agem com ousadia que assusta.
É necessário que algo mude nessa realidade.
Estado Maior

Nenhum comentário:

Postar um comentário