terça-feira, 5 de novembro de 2019

SÃO LUÍS EM OBRAS: Edivaldo paga mais de R$ 12 milhões a C.L.C. Construtora, envolvida com corrupção e investigada pelo MPF


Não é de hoje que a C.L.C. Construtora Luiz Costa vem realizando negócios e parcerias com o Estado do Maranhão, mais especificamente com o município de São Luís

Resultado de imagem para edivaldo holanda e osmar filho


Edivaldo Holanda, prefeito reeleito de São Luís, trabalha com afinco para viabilizar a candidatura sucessória de Osmar Filho à chefia do poder executivo municipal. 

Não obstante, se torna questionável a atuação da C.L.C. Construtora nos serviços de recapeamento asfáltico que vêm sendo realizados pelo Programa “São Luís em Obras”. Onde podemos facilmente perceber mero interesse eleitoreiro em suas ações.


Diversos bairros em que as condições asfálticas encontram-se razoáveis e uma simples operação tapa buracos poderia ser a solução dos atuais problemas estão sendo novamente recapeados. Mesmo que a poucos meses da última eleição tenham sido recapeados, o que vemos agora é que novamente recebem recuperação asfáltica, ou melhor, recapeamento - uma nova e completa camada de asfalto. E pasmem muitas ruas contempladas pelo programa sequer possuíam um único buraco, conforme depoimentos colhidos em loco junto a moradores.



E os bairros em que sequer possuem pavimentação asfáltica? E as ruas que nunca viram esse tipo de serviço em nenhum momento desses quase sete anos de governo? Onde fica a garantia tanto pregada por Edivaldo Holanda de mais mobilidade e mais qualidade de vida?

Edivaldo prega investimentos em obras de infraestrutura urbana para desenvolvimento de São Luís. Mas sob qual ótica de interesses?

Se pararmos para uma breve reflexão, seu principal aliado e atual presidente da Câmara Municipal de São Luís - Osmar Filho, segue uma trajetória delineada pontualmente com uma única finalidade: deixar o comando do Legislativo e chegar ao comando do Executivo Municipal.

E o que tem feito Osmar Filho nesses últimos meses à frente do Legislativo Municipal?

Se fizermos uma análise comparativa e classificatória das matérias publicadas no Portal da Câmara de Vereadores, desde a sua eleição como Presidente da Casa (09 de maio de 2018), até o momento da publicação dessa matéria, podemos afirmar que a grande maioria versa sobre caminhadas, visitas a entidades sociais e a brincadeiras juninas, entrega de pescados, participações em encontros, ações sociais, aniversários de bairros, festejos religiosos, em ações de entrega de presentes e apoios a equipes de futebol.

Tudo isso não passaria despercebido aos nossos olhos, se não fosse realizado em menos de onze meses à frente do legislativo e anterior ao período imediato das eleições municipais de 2020.

Osmar Filho não perdeu tempo mesmo! Colocou-se como protagonista das eleições de 2020, e desde 13 de novembro de 2018 selou seu interesse na disputa municipal.

Mas toda essa teia, que tem como ponto central o comando da Prefeitura de São Luís, se interliga com a menina dos olhos de Edivaldo Holanda: “São Luís em Obras”.

Resultado de imagem para edivaldo sao luis em obras

Edivaldo ao contratar uma empresa envolvida com corrupção, a C.L.C. Construtora, da cidade de Mossoró-RN, desenha o caminho que pretendem seguir os pedetistas.

Envolvida em escândalos e com empresários denunciados pelo Ministério Público Federal, pela prática de emissão de Notas Fiscais, e elaboração de contratos com descrição de serviços não realizados, recebimento de valores ocultos, falsidade ideológica de documentos particulares, associação criminosa e lavagem de dinheiro, a C. L. C. Construtora vem desenvolvendo serviços de recapeamento asfáltico de forma bem tranquila em São Luís.

Edivaldo firmou dois contratos com a C.L.C. Construtora, o primeiro no valor de R$ 19.465.232,67 (dezenove milhões quatrocentos e sessenta e cinco mil duzentos e trinta e dois reais e sessenta e sete centavos), e o segundo no valor de R$ 19.645.135,80 (dezenove milhões seiscentos e quarenta e cinco mil cento e trinta e cinco reais e oitenta centavos), perfazendo um total de R$ 39.110.400,00 (trinta e nove milhões cento e dez mil e quatrocentos reais).



No último dia 11, a C.L.C. Construtora recebeu o pagamento de R$ 5.490.559,65 (Cinco milhões quatrocentos e noventa mil quinhentos e cinqüenta e nove reais e sessenta e cinco centavos) e às vésperas do feriado de finados, Edivaldo Holanda autorizou o pagamento de mais R$ 6.882.152,13 (Seis milhões oitocentos e oitenta e dois mil cento e cinqüenta e dois reais e treze centavos). Ao total de R$ 12. 372.711,78 (Doze milhões trezentos e setenta e dois mil e setecentos e onze reais e setenta e oito centavos) já foram pagos a empresa sob investigação do MPF.


Até quando as autoridades irão ficar de olhos fechados e permitir que o dinheiro público seja destinado a fins duvidosos?

Nenhum comentário:

Postar um comentário