quinta-feira, 21 de março de 2019

Como ficará ???

Resultado de imagem para interrogação
Deputados da oposição já iniciaram nova movimentação para convocar o presidente do Iprev, Joel Benin, para que seja explicada a real situação do Fundo Estadual de Pensão e Aposentadoria (Fepa) dos servidores públicos. Esta será a terceira tentativa nos últimos quatro anos para receber explicação do gestor público.
O mais provável é que a bancada governista, sem se importar com os inativos, deverá barrar a convocação, varrendo para debaixo do tapete informações como o valor real que ainda tem o fundo, quantos e quais imóveis serão vendidos e qual a previsão de arrecadação com esta venda.
E talvez a pergunta mais importante seja outra: se vender os imóveis agora e conseguir manter o pagamento dos aposentados e pensionista em 2019, o que será feito para garantir a folha de inativos em dia em 2020, 2021 e demais anos?
Por enquanto, ninguém do governo Flávio Dino disse o que deve ser feito. A secretária Flávia Alexandrina (Segep) disse que estão estudando condições técnicas e jurídicas. O que isso significa, ninguém sabe.
E enquanto Flávio Dino atua de líder estudantil da esquerda e também de pré-candidato à Presidência da República em 2022, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) já alertou que vai faltar dinheiro no Fepa em sete meses.
Estado Maior

Nenhum comentário:

Postar um comentário