quinta-feira, 27 de setembro de 2018

Flávio Dino pinta com suas cores os prédios e se apropria de obras de Roseana…


Então, pintar os prédios públicos com as suas cores lhe dá o direito de se apropriar de obras alheias? Então, mudar os nomes dos órgãos lhe dá o direito de se apropriar de feitos alheios?
Mesmo se apropriando dos feitos da ex-gestão, Flávio Dino não explica os porquês que levou a fechar os hospitais de 20 leitos, tirarem a complexidade de vários outros hospitais, não terminar os Centros de Hemodiálises mesmo com a verba alocada.
Aí diz que não excluiu os programas sociais, tais como o Viva Luz, Viva água, o primeiro emprego e o programa do leite… E quem de sua gestão excluiu esses programas sem sua autorização?
Fala que construiu 8 unidades hospitalares… Quais? Todos sabem que quem construiu os hospitais foi Roseana e deixou em caixa os recursos suficientes para terminar os demais…
Aí fala dos lemas, porém só mudou o nome dos antigos Cetectmas, cuja ex-gestão deixou 19 prontinhos.
Mas cadê as obras estruturantes do governo Flávio Dino? NENHUMA!!!
O que Flávio Dino fez por conta de sua gestão foi aumentar e muito a dívida do Estado, com empréstimos mirabolantes, fechar pequenos e médios empreendimentos com sua perversa alíquota do ICMS, que só favoreceu o Mateus, que se tornou um monopólio, e tomou muita moto e veículos.
Viver no mundo da fantasia e da mentira é para a Ilha da Fantasia…
Por Caio Hostílio

Nenhum comentário:

Postar um comentário