quinta-feira, 18 de junho de 2015

ABSURDO! GOVERNO QUER PROIBIR ACOMPANHANTES EM HOSPITAIS


Por: Luís Pablo
O ex-deputado Ricardo Murad denunciou, através das redes sociais, o mais novo absurdo praticado pelo “governo da mudança”. Agora o governo resolveu proibir que os pacientes tenham acompanhantes nos hospitais.
Somente idosos com mais de 60 anos, crianças de até 12 anos e pessoas com necessidades especiais, serão a exceção dessa determinação absurda e que já entra em vigor a partir de 1º de Julho, sem nenhuma explicação e ferindo o direito do paciente em ter durante um momento difícil a companhia de seu familiar.


Ao que parece, o Governo Flávio Dino caminha na contramão da humanização e da eficiência dos tratamentos dos pacientes hospitalizados com a retirada dos familiares, que são comprovadamente importantes para recuperação do paciente.


Nenhum comentário:

Postar um comentário